15 de janeiro de 2017

Minha liberdade e meu descanso

A Mão Invisível do Mercado. O Controle e  a Autoridade do Estado. As Pessoas Sempre Prontas Para Julgar. O Modo Politicamente Correto de Ser. A Cultura da Performance. A Cultura do Sucesso. O Poder do Pensamento Positivo. O Ateísmo Prático. A Religiosidade Mecânica e Irracional. O Medo do Desconhecido, do Outro, do Amanhã.

Algumas vezes de uma forma sútil, algumas vezes de forma bem explícita, mas todos os dias somos influenciados por forças diferentes que tentam conquistar as nossas mentes e corações. Nós temos este desejo natural pelo Belo, pelo Bom e pela Verdade, mas no final nossas identidades acabam sendo moldadas por coisas que em última análise estão bem longe delas; coisas que são incapazes de nos sustentar.

E então, mesmo sem compreendendo direito os motivos, adoecemos.

Particularmente, eu vejo apenas um único meio no qual eu consiga aprender a lidar com estas forças e a viver de forma saudável, consciente e equilibrada: através de um contínuo e profundo relacionamento com o Deus Vivo.

Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo é leve. (Mateus 11:28-30)

Meu Senhor é a minha Liberdade e meu Descanso, assegurados pela Sua Própria Fidelidade e Misericórdia, conforme reveladas na vida, morte e ressurreição de Cristo Jesus na História.

Eu quero o meu Pai.

0 comentários: